Copywriting

6 Hábitos de Sucesso Surpreendentes dos Copywriters Mais Admirados

Allison Nascimento
Escrito por Allison Nascimento
6 Hábitos de Sucesso Surpreendentes dos Copywriters Mais Admirados
Para qual email eu posso enviar conteúdo exclusivo?

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade

Você provavelmente já ouviu falar do conceito de imitar pessoas de sucesso em um determinado campo de interesse e se tornar bem-sucedido fazendo o que elas fazem.

Nas palavras de Tony Robbins, “O sucesso deixa pistas”.

Se você quer ser um ótimo piloto de corrida, provavelmente imitará Airton Senna, Michael Schumacher ou Lewis Hamilton. Se você sonha com uma carreira no tênis, você descobrirá mais sobre o que fez de Roger Federer ou Andre Agassi terem sucesso e vai fazer o mesmo.

Agora, se você quer ser um grande copywriter, você ficará por aqui até o final deste artigo. Confie em mim, valerá a pena.

De tempos em tempos, todos nos perguntamos:

  • O que faz os maiores copywriters serem tão bem sucedidos?
  • Quais rotinas são melhores para copywriting?
  • Como faço para vencer o bloqueio de escritor?
  • Por que ainda estou lutando, embora eu trabalhe muito duro?

Neste artigo, vou mostrar-lhe 6 hábitos de sucesso de alguns dos redatores mais admirados do mundo.

Esses hábitos ajudarão você a se tornar não somente mais produtivo, mas também escrever copys melhores e atingir sua meta de se tornar um redator melhor em 2019.

Estou muito animado para compartilhar o post de hoje com você.

É claro que a lista que você está prestes a ler, que aborda vários redatores de nível mundial e seus hábitos de sucesso, não é conclusiva de forma alguma.

Se você acha que seu copywriter favorito está faltando na lista, provavelmente você está certo. Além disso, se você tiver outra rotina ou hábito de sucesso para escrever uma copy genial, deixe um comentário e compartilhe sua história. Nós adoraríamos ouvir de você.

Agora vamos começar.

1. Pesquisa

Você se lembra do filme “ Se7en – Os Sete Crimes Capitais ” com Brad Pitt e Morgan Freeman?

Onde os dois detetives, um novato e um veterano, caçam um serial killer.
Eles simplesmente não conseguem progredir e o experiente deles fica com apenas uma saída…

É sobre pesquisa.

Morgan Freeman vai à biblioteca pública no meio da noite para fazer a coisa mais importante que um bom detetive pode fazer.

Ele pensa, lê e faz uma pesquisa completa.

Isso também é um hábito de sucesso de grandes redatores.

Sempre faça alguma pesquisa para descobrir mais sobre o produto que esteja escrevendo. Pense em quem é seu público, mas tente imaginar apenas uma pessoa que represente seu público. Uma visão do cliente ideal ajudará a escrever especificamente para essa pessoa.

Nada bate uma base sólida.

É importante ler tudo o que você pode encontrar no produto. Se o cliente lhe enviar informações, leia-o várias vezes. É sempre útil encontrar uma copy que já foi escrita sobre o tópico específico e aprender com ela. Você pode encontrar todos os tipos de informações úteis online.

O lendário copywriter John Forde, que trabalhou 15 anos para a Agora Publishing, recomenda que você estude o produto e todos os bônus que o acompanham nos menores detalhes.

Com isso, ele também significa ler depoimentos e outras formas de feedback do cliente, bem como outras promoções bem-sucedidas do passado em sua lista de leitura.

Clayton Makepeace é um dos melhores exemplos de quão longe você deve ir com sua pesquisa.

Se o seu trabalho é promover uma newsletter paga, ele lê todas as edições anteriores que ele pode ter até cinco anos atrás. Para ele, também é importante coletar e armazenar as informações coletadas de maneira estruturada para que ele possa lucrar com isso.

Gary Halbert em “The Gary Halbert Newsletter” diz que a copy basicamente se escreve se você tiver feito preparação e pesquisa suficientes antecipadamente.

Lembre-se de como David Ogilvy leu tudo o que pôde encontrar sobre a Rolls-Royce antes de escrever o anúncio que o tornou famoso? Ele até falou com os técnicos da empresa. Isso deu a ele a idéia para a headline mundialmente famosa: “A 60 milhas por hora, o barulho mais alto no novo Rolls-Royce vem do relógio elétrico”.

John Forde – autor do livro The Great Leads- compartilha conselhos semelhantes. Para ele, fazer extensa pesquisa impede o bloqueio de escritor, dando-lhe tantas idéias que ele não pode parar de escrever.

Bob Bly também é outro que fala sobre os benefícios de descobrir o máximo possível sobre um produto para impulsionar suas habilidades de copywriting. Seu primeiro passo é sempre reunir e organizar o conteúdo de sua copy antes de escrevê-la.

2. Ambiente de trabalho

Embora muitos redatores freelancers trabalhem a partir de sua sala de estar como parte da liberdade que vem com a construção de uma carreira online, isso não é recomendado.

O famoso copywriter Bob Bly aluga uma grande sala em um prédio de escritórios onde ele pode trabalhar sem distúrbios.

Eu já posso ver alguns de vocês protestando:

“Mas Allison, estou feliz por não ter mais que trabalhar em um escritório. Agora você quer que eu alugue um ?! ”

Não, não sei. Só estou dizendo a você o que Bob Bly, um copywriter muito foda faz e o que eu faria também.

É claro que nem todo mundo pode pagar algumas centenas ou mesmo milhares de reais por um mês de aluguel, dependendo da sua localização ou do nível de luxo que você considera adequado para o seu próprio escritório. Uma dica seria alugar uma sala de coworking, o preço é bem acessível e você terá um espaço só seu.

Então o que você pode fazer?

Como muitos de vocês já fazem: saia de casa.

Encontre um lugar onde você esteja verdadeiramente imperturbável e ininterrupto.

Para alguns de vocês, um café como o Starbucks ou até mesmo um restaurante do McDonald’s pode funcionar bem.

Você também pode chegar ao escritório 1-2 horas antes, caso tenha um trabalho diário e trabalhe em seus projetos de copy primeiro.

Existem muitas possibilidades para você trabalhar ininterruptamente.
Nós todos sabemos que trabalhar em casa é difícil às vezes. Há sua esposa, seu filho, convidados, o carteiro, etc.

Ao todo, são muitas distrações… e toda vez que você perder o foco, você tem que começar de novo.

Copywriting é um processo criativo. Você precisa estar 100% concentrado para ter sucesso.

Não se deixe enganar em acreditar que é algo que você pode fazer quando está correndo ou enquanto a TV está rodando em segundo plano. Você deve isso aos seus clientes e leitores pagantes para entregar seu melhor trabalho todas as vezes.

Claro, você pode escrever o primeiro rascunho no seu carro ou no metrô, mas para terminá-lo, você precisará estar 100% focado.

Portanto, mesmo que a transformação de sua sala de estar em seu escritório funcione para você, eu não a recomendaria a longo prazo.

Você será mais produtivo se separar claramente sua área de trabalho e área de convivência.

As tentações em casa podem ser ótimas. É quase impossível ensinar ao seu filho pequeno que “papai está trabalhando agora” ou resistir a responder sua nova mensagem do WhatsApp, ou parar com todas as distrações constantes.

O lendário copywriter Gary Halbert afirma que muitas vezes ele escreve onde quer que esteja, mas mesmo assim tem um bom lugar para escrever com uma escrivaninha. Gary vê isso como uma necessidade para ser produtivo e muitos outros redatores de sucesso.

3. Rotina matinal

A maioria das pessoas de sucesso são os que acordam bem cedo, quando o sol ainda nem nasceu. O mesmo vale para redatores.

Bob Bly trabalha das 7 da manhã ao meio-dia.
Clayton Makepeace começa o seu dia entre as 4 da manhã e as 5 da manhã.
Gary Halbert trocou de escritor noturno por escritor matutino ao longo de sua carreira.

Há mais do que exemplos suficientes de pessoas que acordam cedo

Mas por que?

O motivo é simples. Copywriting é um processo altamente criativo que requer sua concentração total.

Mais do que frequentemente, a única vez que você pode encontrar silêncio e não ser interrompido por telefonemas ou outras pessoas é quando todos os outros estão dormindo.

Apreciar o silêncio é apenas parte disso – é também sobre o seu nível de energia.

Naturalmente, você se sente mais energizado e menos cansado de manhã do que à noite.

Começar cedo é a maneira mais fácil de evitar que seus compromissos pessoais interfiram no seu trabalho.

Claro, você precisará ir para a cama muito mais cedo do que o habitual. Você não vai longe com apenas 4-5 horas de sono por noite. Em outras palavras, dormir o suficiente é crucial.

Mas, quanto a qualquer regra, há exceções. Você deve fazer o seu próprio horário, escolher qual o horário que você se sente melhor.

Acordar às 5 da manhã não é algo obrigatório, mas é algo que pode ser bom pra você.

Todo mundo é diferente.

As condições de vida em que você está podem ser completamente diferentes das minhas.

Se você é alguém que é mais produtivo depois da meia-noite, ainda pode ser uma boa idéia para você se levantar cedo. Se a única hora em que você pode encontrar silêncio é de manhã antes do trabalho, então levanta cedo.

4. Produtividade

O lendário copywriter Gene Schwarz costumava trabalhar apenas 4 horas por dia. Ele ainda conseguia criar uma promoção multimilionária após a outra.

Você pode perguntar: “Como isso é possível?”

Vou lhe contar como – o seu sucesso depende da sua capacidade de produzir copys, concluir projetos no prazo e constantemente criar novos conteúdos para promover seus serviços.

Em outras palavras, quanto maior sua produtividade, maiores serão seus resultados.

Se você acha que é necessário estar constantemente ocupado, você está completamente errado.

Os melhores redatores nem sempre escrevem copys ou trabalham 12 horas todos os dias.

Se essa é a sua escolha de estilo de vida, tudo bem. Apenas tenha em mente que não é necessário.

Leia “Trabalhe 4 horas por semana – Tim Ferris” para ter uma ideia do que estou falando.

Trata-se de delegar todas as tarefas que você não precisa fazer sozinho. Ao mesmo tempo, a estrutura do seu tempo de trabalho é importante. Quando você tem um emprego, você tem que estar lá dás 9 às 5 e entregar. Como copywriter freelancer, você escolhe como vai trabalhar.

Você controla seu tempo.

Você decide quando trabalha.

Isso permite usar as fases quando você é mais produtivo. É sobre seus momentos pessoais de foco e concentração.

Todos nós tivemos momentos como estes.

Por quantas horas você consegue trabalhar 100% focado?

Um grande sinal de aviso: você é responsável pelo uso do seu tempo.

Esteja sempre atento ao que você está fazendo e ao nível de distração ou concentração que você pode administrar.

Se você acabou de pensar que o tempo mais produtivo para você é tarde depois da meia-noite e passa a maior parte do tempo assistindo vídeos engraçados no YouTube, então você está perdendo o foco.

Assim como com qualquer detetive CSI, tem que haver provas para provar seu caso.

Não assuma apenas quando seu tempo é mais produtivo, mas acompanhe seus resultados por algumas semanas.

Com a escrita, isso é muito simples. A contagem de palavras mostrará o número exato. Quantas palavras você escreveu em uma hora? Quanto foi durante os primeiros 30 minutos da manhã?

Encontre essa informação e você receberá sua resposta.

Claro, não é apenas sobre o comprimento, mas também a qualidade.

Seus clientes não se importam com a duração da sua copy, mas com sua eficácia.

Pergunte a si mesmo: Que qualidade específica os textos que você escreve em um horário específico têm? Em que momento você sente que está sendo mais eficiente? Qual é o horário que você percebe que deve falar com os clientes, responder emails e publicar nas redes sociais?

Redatores como John Fordepreferem realizar tarefas mais complicadas pela manhã, enquanto deixam os mais fáceis, como responder a e-mails para mais tarde.

Lembre-se: Ser produtivo está ligado ao bom gerenciamento do tempo.

Descubra a melhor forma para gerenciar o seu tempo e ser mais produtivo.

Saiba quando e como você trabalha melhor e siga isso.

Chirstian Barbosa no livro A tríade do Tempo, diz que você deve separar suas tarefas em Urgente, Importante e circunstâncias. Você precisa dar prioridade em cada uma das suas tarefas. Recomendo a leitura do livro.

5. Leitura e Aprendizagem

Bob Bly afirma que ele lê todos os dias pelo menos uma mala direta ou promoção online. Ele mantém seus olhos e ouvidos abertos aonde quer que vá, observando as pessoas.

Se você quer dominar copywriting ou qualquer outro campo de interesse, você absolutamente tem que aprender com pessoas mais experientes do que você.

Você tem que comprar os infoprodutos, ir aos seminários e ler constantemente para aperfeiçoar sua arte de escrever copys.

Não se preocupe, ainda será diferente de qualquer outro estilo de escrita, porque a escrita é uma habilidade bastante pessoal.

As noções básicas de copywriting não mudaram há mais de 100 anos.

Os hábitos de escrita de Robert Collier e Claude Hopkins têm tanto peso hoje quanto nos seus primórdios.

Se você dominar essa habilidade uma vez, ela ficará com você por toda a sua vida. Apenas lendo constantemente sobre copywriting, você sempre pode adicionar novas idéias ao seu trabalho.

Aproveite o tempo para pesquisar o que os grandes redatores recomendam para a leitura. Além disso, sempre procure continuar aprendendo participando de vários eventos de copy e lendo cartas de vendas bem sucedidas.

A internet apenas trouxe novas ferramentas para alcançar mais pessoas, os princípios de copywriting não mudam.

Examine como um autor de novela ou seria começa um novo episódio, veja como autores terminam um livro ou capítulo, como ele conta uma história, como ele nomeia seus personagens, etc.

Na verdade, a arte de contar histórias é uma das habilidades mais valiosas que você pode ter como redator.

Como qualquer outra habilidade, ela é adquirida através da prática. Se você quer ter histórias interessantes para contar e saber como contá-las efetivamente, comece a praticar hoje.

Você pode conseguir isso lendo muito, ficção e não-ficção, mas também observando as pessoas e a vida em geral. Tire histórias da sua vida e compartilhe-as. Isso adiciona um toque pessoal à sua copy, tornando-a mais autêntica. Também é mais divertido para o leitor comparado à leitura de uma copy comum de um produto qualquer.

Se você precisar de dicas sobre onde começar a aprender …

Comece pelo meu ebook: Como Escrever Sua 1ª COPY.

6. Escreva, escreva, escreva

Para dominar copywriting, a escrita tem que se tornar um hábito diário para você.

Às vezes é difícil e requer disciplina. Como qualquer coisa que valha a pena, não chegará até você se você não colocar em prática.

Aproveite cada oportunidade que você tiver, seja para escrever um artigo, um email, uma página de vendas ou um vídeo como uma oportunidade para treinar a sua habilidade de escrita.

Você ficará melhor com o tempo.

Don Mahoney
aconselha que você escreva diariamente e tente expandir o tempo em que você é o mais produtivo.

Gary Halbert aconselhou os leitores da sua newsletter a escreverem todos os dias. Ele também gostava de passar suas anotações antes de ir para a cama e deixar sua mente encontrar soluções enquanto dormia.

Então, quanto você deve escrever? Nas palavras de Gary, deve ser “muito” já que os melhores escritores do mundo escrevem muito “muito” e o tempo todo.

É tão simples – quanto mais você escreve, melhor você se torna nisso.
Se você escreve com mais frequência, você fará mais progresso.
É uma fórmula muito simples, na verdade.

Escrever diariamente é principalmente sobre autodisciplina. Se você puder encontrar tempo suficiente para escrever, apesar de todas as obrigações em sua vida e cumpri-lo por um longo período de tempo, suas habilidades de escrita vão ir longe.

O comediante Jerry Seinfeld tinha o objetivo de escrever uma piada por dia e ele colocava uma marca em sua agenda toda vez que a alcançava. Quanto mais marcas ele tinha em seu calendário sem um intervalo, mais forte se tornava seu hábito. Ele fez com que ele nunca perdesse um dia.

Se você tiver problemas para começar a escrever, comece com as coisas simples. E-mails para uma lista de contatos são mais fáceis de escrever que uma carta de vendas para um cliente. Uma postagem de blog é mais fácil de criar do que um ebook.

Dê pequenos passos e passos que sejam diários.

O autor Stephen King quando está escrevendo não presta atenção aos erros de ortografia, imperfeição e nunca é pego sem uma única idéia.

Seja flexível. Quando você se senta para escrever, continue escrevendo. Mesmo que no começo pareça ruim.

De acordo com Steven, a única exceção permitida que você pode usar como desculpa para parar de escrever é ter que ir ao banheiro. Acho que todos podemos concordar com isso.

De qualquer forma…

Estou extremamente confiante de que esses hábitos de sucesso de alguns dos maiores redatores do mundo o tornarão melhor quando você os colocar em prática.

Agora vá. Não demore. Comece a implementar essas regras hoje e fique um passo mais perto de sua meta de se tornar um copywriter melhor em 2019.
Boa sorte!

Classifique esse post

Hey,

o que você achou deste conteúdo? Conte nos comentários.

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade

Para qual email eu posso enviar conteúdo exclusivo?